Capitolio


Juro baixo força diversificação maior nos fundos de pensão

17 de outubro 2019

Os fundos de pensão estão surfando a onda final dos títulos públicos e o tema de diversificação fica cada vez mais recorrente entre as entidades diante de taxas de juros em declínio mais rápido do que o esperado.

Alguns dos principais fundos de pensão do país – caso de Previ (Banco do Brasil), Funcef (Caixa) e Funcesp (empresas elétricas do Estado de São Paulo) – estão buscando aumentar suas alocações em fundos multimercado, investimentos no exterior e também em renda variável.

Veja mais

Autor: Juliana Schincariol
Referência: Valor Econômico