Capitolio


Despesa com saúde deve subir R$ 10,6 bi até 2027

07 de janeiro 2020

Envelhecimento e o aumento da população devem pressionar despesas na área nessa magnitude

O envelhecimento e o aumento da população devem gerar até 2027 uma pressão por expansão de R$ 10,6 bilhões nas despesas do governo federal com saúde, de acordo com cálculos do Tesouro Nacional publicados em seu recente boletim de riscos fiscais. Por sua vez, a evolução demográfica diminuirá a pressão por gastos na área da educação (-R$ 1,1 bilhão em 2027), devido à queda na população jovem.

Veja mais

Autor: Fabio Graner
Referência: Valor Econômico