Capitolio


Advogados de parentes de vítimas do voo da Chape se reúnem com ministro da Bolívia

28 de janeiro 2020

Objetivo é cobrar seguro obrigatório que seria responsabilidade do governo boliviano

Advogados de familiares de vítimas da tragédia que matou o time da Chapecoense em 2016 foram à Bolívia se reunir com o ministro dos Transportes daquele país.

Direitos

O objetivo é cobrar do governo boliviano que se responsabilize pela autorização do voo saído de Santa Cruz de la Sierra (e que caiu na Colômbia sem combustível) e pelo pagamento de um seguro obrigatório.

Muito Tempo

“Já se passaram três anos. Até agora temos 68 famílias sem nenhuma resposta por seus direitos no acidente”, diz o advogado Marcel Camilo, que representa familiares junto com Josmeyr Oliveira e Ilan Nazário.

Autor: Monica Bergamo
Referência: Folha de São Paulo