Capitolio


Seguradoras têm pouca exposição a coronavírus

10 de março 2020

Mesmo em saúde e vida, impacto ainda é pequeno, diz Mapfre

O coronavírus terá impacto limitado sobre o setor de seguros no mundo, avalia o CEO global de grandes riscos da Mapfre, Bosco Francoy, em entrevista ao Valor.

O executivo explica que eventos como a disseminação da doença “não geram um fato coberto pelas apólices” na área de grandes riscos, como no caso de desastres naturais. “É muito raro no mercado contratos com previsão de cobertura para epidemias”, afirma o especialista.

Desse modo, mesmo em caso de evolução para uma pandemia de grandes proporções, o valor de eventuais indenizações tende a ser baixo justamente pela pequena previsão desse tipo de proteção. Conforme o especialista, “provavelmente no ano que vem as empresas comecem a demandar coberturas para epidemais”, o que hoje é algo raro.

Veja mais

Autor: Sérgio Tauhata
Referência: Valor Econômico