Capitolio


Governo tenta ‘blindar’ recursos para seguro

13 de março 2020

Ideia é evitar contingenciamentos, mas aperto no Orçamento é um fator limitador

O governo estuda a possibilidade de tornar obrigatória a aplicação dos recursos reservados ao programa federal de subsídios aos prêmios do seguro rural a partir do ano que vem. A proposta está em debate entre os ministérios da Agricultura e da Economia e demais órgãos que participam da elaboração do Plano Safra 2020/21, que entrará em vigor em 1º de julho. O engessamento do orçamento da União, porém, poderá atrapalhar a estratégia da ministra da Agricultura, Tereza Cristina. Mais de 90% do dinheiro já está comprometido com despesas que o Executivo não pode deixar de honrar.

O subsecretário de Política Agrícola e Meio Ambiente do Ministério da Economia, Rogério Boueri, disse que a medida, “isoladamente, não tem condição de prosperar”. Ele confirmou que a proposta para blindar os recursos do seguro de contingenciamentos está na mesa de discussões, mas que só será possível com aval da Secretaria de Orçamento Federal (SOF) e do Tesouro. Mas, para viabilizá-la, o governo terá que cortar outras despesas.

Veja mais

Autor: Rafael Walendorff
Referência: Valor Econômico