Capitolio


Após 1ª morte, Mandetta diz que SUS terá até três meses de ‘muito estresse’

18 de março 2020

Segundo ministro, normalidade no sistema de saúde só deve voltar em agosto

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, alertou ontem que o sistema de saúde brasileiro deverá enfrentar um período de 60 a 90 dias de “muito estresse” com o aumento de casos de infecção por coronavírus. Ele mostrou preocupação com medidas de restrição do trânsito de pessoas em território nacional, porque podem comprometer o abastecimento dos grandes eixos. Mandetta acredita que o país entrará no “platô” de estabilização da crise em julho, para em agosto ou setembro voltar à normalidade. Mas isso depende de garantir a imunidade de “mais de 50% das pessoas”, esclareceu.

Veja mais

Autor: Rafael Bitencourt, Andrea Jubé, Beth Koike e Leila Souza Lima
Referência: Valor Econômico