Capitolio


Teich defende ação do governo e elogia OMS em reunião do G20

20 de abril 2020

Evento virtual é um dos primeiros compromissos do ministro no cargo; ele destacou ainda ajuda a Estados e municípios

Em um dos primeiros compromissos como ministro da Saúde, Nelson Teich participou ontem de reunião virtual dos ministros da área do grupo das 20 maiores economias do mundo (G20). Ele defendeu o trabalho do Brasil, disse que fake news são um desafio e elogiou a Organização Mundial da Saúde (OMS). Já a entidade global – que defende o isolamento social para frear o vírus, diferentemente do presidente Jair Bolsonaro – pediu cautela a países no relaxamento da quarentena.

Teich defendeu iniciativas para combater fake news. “Isso é um problema.” Ele salientou ainda a importância de ações em níveis estadual e municipal e de distribuição de materiais hospitalares, testes e inaladores, acrescentando que medidas nesse sentido contaram com US$ 2 bilhões (mais de R$ 10 bilhões) da União. Teich substituiu Luiz Henrique Mandetta na pasta na semana passada após divergências do antecessor com Bolsonaro sobre o isolamento. Aos ministros, o diretor da OMS, Tedros Ghebreyesus, disse ontem que “relaxar a quarentena não é o fim da epidemia em um país, mas o começo da próxima fase”.

Autor: Célia Froufe
Referência: Estado de São Paulo