Capitolio


Lucro de BB Seguridade cai 9% no 2º trimestre

04 de agosto 2020

Previdência privada foi o negócio mais afetado pela pandemia

A previdência privada foi o negócio mais afetado pela covid-19 na BB Seguridade no primeiro semestre, mas os números de julho já mostram uma recuperação para os níveis de antes da pandemia, afirmou o presidente da holding de seguros, previdência e capitalização do Banco do Brasil, Bernardo Rothe, em entrevista ao Valor.

O lucro líquido ajustado da BB Seguridade no segundo trimestre apresentou queda de 9% ante o mesmo período de 2019, para R$ 981,813 milhões. No primeiro semestre do ano, o lucro líquido ajustado ficou em R$ 1,9 bilhão, com recuo anual de 10,9%.

Veja mais

Autor: Sérgio Tauhata
Referência: Valor Econômico