Capitolio


China

05 de agosto 2020

Autoridades chinesas estão planejando incluir oficialmente os medicamentos mais aplicados no tratamento de doenças relacionadas ao novo coronavírus nos programas regulares de seguro saúde do país.

A Administração Nacional de Segurança da Saúde publicou uma proposta do plano de trabalho relativo a ajustes na lista de medicamentos cobertos pelo sistema de seguro saúde, solicitando publicamente comentários e opiniões sobre o projeto.

De acordo com a proposta, os medicamentos para doenças respiratórias relacionadas à Covid-19 serão acrescentados à lista.

Até 19 de julho, o sistema de seguro saúde da China havia coberto 1,23 bilhão de iuanes (US$ 176 milhões) em custos de tratamento de pacientes com Covid-19, lidando com 135.500 contratos de seguro que envolviam tanto pacientes confirmados quanto suspeitos.

Espera-se que as adaptações na lista de medicamentos apoiem ainda mais a contenção da Covid-19 periodicamente e a longo prazo.

Além dos medicamentos relacionados à Covid-19, o plano preliminar também inclui alguns outros remédios recém-aprovados que são considerados como urgentes em termos clínicos e vários novos fármacos pediátricos.

A China ajusta anualmente a lista de medicamentos cobertos pelo sistema de seguro saúde.

Referência: Monitor Mercantil