Capitolio


Susep aposta em salto tecnológico no setor com registro de apólices

28 de setembro 2020

Seguros Com a visão do todo, norma facilita o controle de riscos e viabiliza novos negócios Susep aposta em salto tecnológico no setor com registro de apólices 

O setor de seguros está na iminência de uma mudança que pode levá-lo ao maior salto tecnológico em décadas.

A partir de novembro, as apólices serão objeto de registro, instrumento por meio da qual a Superintendência de Seguros Privados (Susep) pretende ampliar a capacidade de supervisão e, ao mesmo tempo, organizar uma massa de dados para viabilizar novos modelos de negócios.

O Sistema de Registro de Operações (SRO) dará ao regulador acesso a informações das seguradoras em tempo real, facilitando o controle de riscos. Se o modelo já estivesse em vigor, a Susep poderia, por exemplo, ter identificado quase instantaneamente a exposição das seguradoras no rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG) e na recuperação judicial da Odebrecht – dois eventos em que a coleta de dados, feita de forma manual, levou nada menos que seis meses cada. Situações como a do desenquadramento do IRB também seriam mais visíveis, ainda que a regulação não alcance, por enquanto, os resseguros.

Veja mais

Autor: Talita Moreira e Juliana Schincariol
Referência: Valor Econômico