Capitolio


Governo de SP vai selecionar novos voluntários para testar vacina chinesa

05 de novembro 2020

Queda na circulação do novo coronavírus comprometeu calendários dos estudos

O governo de São Paulo vai selecionar novos voluntários para os testes clínicos da Coronavac, a vacina desenvolvida na China que será produzida em parceria com o Instituto Butantan.

Velocímetro

A queda no número de infectados pelo novo coronavírus no estado, indicando que ele circula em menor intensidade, atrasou o estudo, já que menos voluntários estão sendo contaminados. Daí a necessidade de incluir mais pessoas nos testes.

Calendário

A previsão inicial era que, até outubro, pelo menos 61 voluntários já tivessem sido infectados. Isso permitiria descobrir se eles tinham tomado a vacina contra a Covid-19 —o que indicaria que ela não é efetiva— ou placebo, o que mostraria que ela consegue imunizar as pessoas.

Todo Cuidado

“A circulação do vírus diminuiu. Além disso, o público que tomou a vacina é formado por profissionais da área da saúde, que tradicionalmente se protegem mais”, diz o secretário estadual da Saúde, Jean Gorinchteyn.

Fila

O recrutamento de novos voluntários, segundo ele, está sendo coordenado pelo hospital Emílio Ribas, nas regiões de Guaianases e Mandaqui, na capital de SP. Não há um número preciso ainda de pessoas a serem recrutadas.

Autor: Monica Bergamo
Referência: Folha de São Paulo