Capitolio


Nuvens carregadas no horizonte de Pazuello

24 de novembro 2020

A revelação pelo ‘Estadão’ de que testes PCR (para detectar a covid-19) do Ministério da Saúde podem acabar no lixo fez procuradores e gestores da área da saúde nos Estados ouvidos pela Coluna enxergarem nuvens carregas no horizonte de Eduardo Pazuello. O ministro pode ser alvo de uma possível ação de improbidade administrativa, avaliam. Parlamentares acionaram a Procuradoria-geral da República (PGR) e também o Tribunal de Contas da União (TCU). Querem se saber houve desperdício de recursos, negligência e inépcia do ministro.

Cuma? “O fato toma contornos ainda mais impressionantes ao se observar que o atual ministro da Saúde, que é um general de Exército, foi efetivado no cargo justamente com o discurso de que teria experiência como gestor de logística”, argumenta o senador Randolfe Rodrigues (Rede-ap) em seu pedido.

Referência: Estado de São Paulo