Capitolio


Aposentados da Nossa Caixa estudam ação contra BB após reajuste de planos de saúde

30 de novembro 2020

Reajustes em planos antigos e aportes para novo pacote de assistência médica afetam 6.000 ex-funcionários

Ex-funcionários da antiga Nossa Caixa, que o governo de São Paulo vendeu para o Banco do Brasil em 2009, estudam a possibilidade de ir à Justiça contra mudanças feitas pela instituição nos planos de saúde financiados pelo fundo de pensão da categoria, o Economus, que hoje é patrocinado pelo BB.

Além de aprovar reajustes nas mensalidades dos planos existentes, o Economus introduziu outro pacote de assistência médica, a ser financiado por novos aportes dos participantes. O BB, cujo voto foi decisivo para aprovação das mudanças, diz que não é responsável pelo financiamento dos planos antigos.

Para Pedro Paulo Galdino, presidente da associação dos aposentados da Nossa Caixa, as mudanças contrariam a legislação ao impor condições piores do que as prometidas quando os ex-funcionários entraram no banco. As mudanças afetam cerca de 6.000 aposentados.

Questionado, o Banco do Brasil afirmou que nunca foi patrocinador dos planos de saúde administrados pelo Economus e que as divergências com os aposentados deverão ser discutidas no âmbito do fundo de pensão.

Autor: Ricardo Balthazar (interino)
Referência: Folha de São Paulo