Capitolio


Zurich Santander enfatiza a representatividade

14 de dezembro 2020

Na seguradora ainda há muito o que fazer para elevar a presença de mulheres na liderança, que é de 25%

Resultado da união de duas multinacionais, há nove anos, a Zurich Santander nasceu com mentalidade de equidade.

Dos 310 funcionários, 51% são mulheres e 40% ocupam posição de liderança. Mas quando se chega ao topo de sua pirâmide hierárquica, a joint-venture entre o banco espanhol, Santander, e a seguradora suíça, Zurich, admite que ainda há muito o que fazer, porque essa representatividade cai para 25% do total.

Mesmo assim, como está inserida em um setor onde há elevado predomínio de colaboradores do sexo masculino, a companhia é considerada benchmark a ser seguido neste quesito. O que fez com que fosse destaque setorial da edição 2020 da pesquisa ‘Mulheres na Liderança”.

Veja mais

Autor: Roseli Loturco
Referência: Valor Econômico