Capitolio


Postalis busca solução para déficit de R$ 10 bi

21 de janeiro 2021

O Postalis, fundo de pensão dos Correios, pretende criar um novo plano de benefícios com o objetivo de sanear o atual déficit de cerca de R$ 10 bilhões. A proposta, atualmente em discussão com representantes dos associados, visa evitar novas contribuições extraordinárias dos participantes e do patrocinador. O que se pretende fazer é uma migração, de forma voluntária, para um plano de contribuição definida (CD). Na prática, com a mudança, os associados receberiam, no momento da aposentadoria, o montante acumulado ao longo da vida.

O plano que concentra os problemas é de benefício definido (BD), que garante renda vitalícia. No entanto, em caso de resultado negativo, o modelo requer contribuições adicionais dos associados e também do patrocinador. O Postalis é um dos maiores fundos de pensão do país, com mais de 130 mil associados. O plano BD concentra a maioria deles — são 83.708 participantes, sendo 49.562 ativos e 27.443 assistidos.

Veja mais

Autor: Juliana Schincariol
Referência: Valor Econômico