Capitolio


Funpresp busca diversificação

01 de fevereiro 2021

Estratégia Fundação de servidor público mira ação, crédito privado e exterior

A Fundação de Previdência Complementar do Serviço Público (Funpresp) pretende acelerar a diversificação de sua carteira, iniciada no ano passado, e ampliar seus investimentos em ações, crédito privado e exterior, além de passara colocar recursos em fundos imobiliários.

Para atrair mais participantes, o diretor-presidente da Funpresp, Ricardo Pena, ainda negocia com a Previc (Superintendência Nacional de Previdência Complementar) permissão para que os participantes realizarem saques parciais de suas contribuições.

Em entrevista ao Valor, Pena disse que espera uma retomada do crescimento econômico neste ano e projeta uma expansão do Produto Interno Bruto (PIB) de mais de 3%. O cenário positivo deve ser sustentado pelo início da vacinação contra o coronavírus. “Vai injetar ânimo na economia. No fim, o resultado vai ser positivo para a economia”, disse.

Veja mais

Autor: Edna Simão
Referência: Valor Econômico