Capitolio


Ocupação em UTI covid de hospitais privados de São Paulo volta a subir

19 de maio 2021

Governo flexibilizou as regras do isolamento em 12 de abril e a pesquisa do SindHosp, entre 11 e 17 de maio, mostra alta no volume de internados

Um mês após a flexibilização da quarentena, que voltou à fase vermelha e ganhou um relaxamento ainda maior no começo deste mês, os hospitais privados do Estado de São Paulo voltam a registrar aumento nas taxas de ocupação das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes acometidos pela covid-19.

Levantamento do SindHosp, sindicato do setor, com 90 hospitais paulistas, mostra que em 85% deles a taxa de ocupação nas UTIs era superior a 80%, entre os dias 11 e 17 de maio. Na pesquisa anterior, de 30 de abril, 79% dos hospitais informaram esse índice, ou seja, houve um aumento de seis pontos percentuais no período. Os 90 hospitais consultados têm juntos 8,7 mil leitos clínicos e 4 mil UTIs.

Veja mais

Autor: Beth Koike
Referência: Valor Econômico