Capitolio


Número global de transações cai em 2020

08 de junho 2021

Cenário no Brasil é diferente, com o mercado de saúde ainda em processo de consolidação

As fusões e aquisições no mercado global de saúde caíram 37,3%, para US$ 339 bilhões no ano passado, quando comparado a 2019. O volume de transações foi 9,3% menor, ficando em 2,8 mil negócios concluídos em 2020, de acordo com levantamento da consultoria Bain & Company.

Já em relação às transações lideradas pelas gestoras de private equity houve alta de 21% no volume de negócios, que somaram 380 ano passado. No entanto, o valor das transações registrou queda de 17% para US$ 66 bilhões e o valor médio por operação caiu 57%, para US$ 296 milhões.

É a primeira queda desde 2015. Segundo Kai Grass, sócio da Bain & Company, esse movimento deve-se a uma combinação de fatores, como a pandemia, que trouxe incerteza entre os investidores para cheques de maior valor, os mercados de saúde dos Estados Unidos e Europa já consolidados e a preferência por transações de menor valor na região da Ásia-Pacífico

Veja mais

Autor: Beth Koike
Referência: Valor Econômico