Capitolio


Sinistralidade na saúde suplementar

17 de junho 2021

A taxa de sinistralidade da saúde suplementar, fechou o ano de 2020 apresentando o melhor índice dos últimos 14 anos, muito a reboque da pandemia de Covid que suspendeu cirurgias eletivas e afastou o público dos centros de saúde, com medo de possíveis contaminações. Nosso estudo relativo a 2020 mostrou uma taxa média de um pouco mais de 76%.

Resolvemos então, fazer uma análise trimestral a partir deste ano e o número voltou a crescer, fruto da mesma Covid, em sua segunda onda, que aumentou a faixa de idade dos internados, tempo de internação, custos de materiais e UTI’s, prometendo que, para este ano, a taxa vai piorar muito.

Conheça todos os números da sinistralidade do 1° trimestre de 2021, com a listagem das empresas, rankings por taxa, rankings por porte de operadora e por modalidade de operadora e ou seguradora especializada. Mande um e-mail para [email protected].

Referência: Capitolio Informações Estratégicas