Capitolio


Bradesco Saúde reforça a importância da vacina

19 de julho 2021

Seguradora destaca papel da imunização, combinada a medidas preventivas, para proteção da população contra a Govid-19

A pandemia de Covid-19 colocou em evidência o papel da medicina preventiva, que vem ganhando força e auxiliando o sistema de saúde. A ênfase na prevenção é também um dos grandes direcionadores do modelo de Atenção Primária à Saúde adotado pela Bradesco Saúde para oferecer o cuidado integral ao paciente.

Desde o surgimento dos primeiros casos da doença, a ciência aponta que o combate aoSars-CoV-2émultifatorial. E seus efeitos sao individuais e coletivos. De um lado, é fundamental evitar que as pessoas se contaminem e que evoluam para formas mais graves da doença. Do outro, é preciso reduzir a sobrecarga do sistema de saúde, para proteger a população.

“A vacinação em massa é a principal medida capaz de reverter a situação pandêmica, associada a todos os cuidados necessários que ajudam na prevenção- uso da máscara, álcool em gel, higiene das mãos e distanciamento ocial”, afirma Manoel Peres, diretor-presidente da Bradesco Saúde e da Mediservice. O executivo enfatiza que “somente a combinação dessas medidas pode proporcionar maior segurança para reduzir as chances de que o vírus afete mais pessoas de forma severa”.

VACINAÇÃO NA PRATICA

Os resultados preliminares de um estudo realizado em Serrana (SP) apontam que a imunização em massa de adultos acima de 18 anos, feita entre fevereiro e abril deste ano, foi capaz de diminuir em mais de 80% o surgimento de novos casos e reduziu em 86% as internações com sintomas graves. Além disso, após a vacinação de mais de 95% dos adultos com a segunda dose, a cidade registrou apenas duas internações na faixa de 18 359 anos por Covid-19. Nenhum idoso precisou ser hospitalizado.

“As vacinas para Covid-19 produzem proteção contra formas graves da doença, como resultado do desenvolvimento de uma resposta imune ao vírus. O desenvolvimento da imunidade significa que há um risco reduzido de desenvolver a doença grave e, por consequência, de desenvolver sequelas da infecção”, esclarece o médico Mauro Blini, do time da Bradesco Saúde.

Segundo Blini, o saldo positivo da imunização em Serrana ajuda a compreender a importância da segunda dose da vacina. “A primeira dose representa o que os cientistas chamam de priming (pré-ativaçao) da resposta imunológica. Nos primeiros 14 dias após a vacinação, 0 indivíduo ainda não tem níveis significativos de proteção. A segunda dose irá atuar como um reforço.” Para quem ainda não tomou a segunda dose, a orientação do Dr. Blini é procurar a unidade de saúde onde recebeu a primeira dose,

Com a finalidade de oferecer informação atualizada e confiável para somar forças na luta contra a pandemia, a Bradesco Saúde lançou o hotsite bradescosaude.com. brjcoronavirus. Ali é possível saber mais sobre coronavírus, segurança das vacinas, prevenção, sintomas e como lidar com sequelas. “Além da Covid-19, o setor de saúde está recebendo os pacientes que enfrentam as sequelas da doença. Nesse cenário, tomar as duas doses da vacina para prevenir o desenvolvimento de quadros mais graves e a hospitalização significa não apenas se proteger, como também ajudar a salvar mais vidas”, afirma Manoel Peres.

Referência: O Globo