Capitolio


Seguro para aquisições pode liberar até R$ 60 bi

10 de agosto 2021

Apólice substitui depósito em contas-caução exigido em M&A

Um bolsão de cerca de R$ 60 bilhões de liquidez “empoçada” em contas de garantias originadas de transações de fusões e aquisições (M&A, na sigla em inglês) no Brasil pode começar a voltar aos caixas das companhias com um novo produto de seguros.

A primeira apólice para substituir a necessidade do depósito de recursos em contas-caução para reduzir riscos de o comprador responder a passivos anteriores ao fechamento do negócio foi emitida no Brasil em junho pela BMG Seguros, em conjunto com a Marsh e o ressegurador IRB.

O presidente da BMG Seguros, Jorge Sant’Anna, afirma que o total dos ativos sob custódia em garantia nos diversos mecanismos, que incluem as custódias judiciais e outros instrumentos, pode alcançar entre R$ 8,4 trilhões e R$ 9 trilhões. Só nas chamadas contas “escrow”, ou contas-caução, há mais de R$ 60 bilhões, diz.

Veja mais

Autor: Sérgio Tauhata
Referência: Valor Econômico