Capitolio


Com Alliar, Rede D’Or contra-ataca

17 de agosto 2021

Maior grupo de hospitais do país, Rede D’Or quer crescer no setor de medicina diagnóstica, liderado por Dasa e Fleury

Ao fazer uma oferta pública de ações (OPA) pela rede medicina diagnostica Alliar, a Rede D’Or contra-ataca a Dasa e o Fleury que, recentemente, entraram na seara do grupo hospitalar adquirindo hospitais e clínicas médicas.

As três empresas têm um propósito em comum ao invadir a área da outra. Todas querem se tornar uma companhia com presença em vários elos da cadeia de saúde, ou seja, desde o começo do tratamento com os exames até a cirurgia, inclusive, o pós-alta – uma das principais tendência do setor. Além disso, ser um grupo com mais serviços médicos o habilita a concorrer com as operadoras verticalizadas.

A Rede D’Or fez uma proposta de pagar R$ 11,50 pela ação da Alliar, o que precifica o negócio em R$ 1,3 bilhão. No entanto, o processo ainda deve ter novos capítulos, uma vez que a gestora de private equity Pátria e os médicos acionistas Sérgio Tufik e Roberto Kalil Issa – que juntos formam um bloco de controle com 51% do capital da Alliar – não devem vender seus papéis pelo preço apresentado pelo grupo hospitalar, segundo o Valor apurou

Veja mais

Autor: Beth Koike
Referência: Valor Econômico