Capitolio


Verba para seguro rural deve ter suplementação, diz Soria

25 de novembro 2021

O secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Guilherme Soria Bastos Filho, disse, no segundo dia de debates do Summit Agronegócio Estadão, em painel sobre crédito, que o setor produtivo deve ter verba suplementar de até R$ 380 milhões até o fim do ano para subvenção ao prêmio do seguro rural. “A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, tem dado grande enfoque para esse programa”, reforçou. “Mas se trata de despesa discricionária, e não obrigatória, então a verba para a subvenção tem de estar no conjunto do orçamento do ministério e muitas vezes temos de fazer uma ‘escolha de Sofia’.”

No mesmo painel, a head da Climate Bonds Initiative (CBI) para a América Latina, Leisa Souza, afirmou que tem visto mercados locais de crédito se desenvolvendo de forma veloz na América Latina, com destaque para Colômbia, México e Brasil. “Nosso desafio é como atrair capital internacional, acessando um mercado mais maduro”, disse. Ela informou que é grande a demanda por títulos verdes, especialmente o CRA, hoje o principal instrumento contratado, mas a oferta está muito aquém.

Leisa comentou, ainda, que enxerga um cenário de crescimento consistente para a tomada de crédito. Isso porque o investidor deve continuar olhando para os títulos verdes, cujo mercado tem funcionado bem e é autorregulado.

Já o membro vertical da Associação Brasileira de Fintechs (Abfintechs), Jonatas Couri, disse no mesmo painel que tem conversado com o governo federal para que se criem mecanismos alternativos de financiamento do agronegócio. “Há conversas que temos tido em Brasília, por exemplo, sobre a possibilidade de bancos usarem depósitos à vista em estruturas como Fiagros em agfintechs; há conversas ativas nos Ministérios da Agricultura e da Economia sobre isso.” Ele disse acreditar “que as mudanças na Lei do Agro e do próprio Fiagro darão muita vazão para os títulos de crédito do agronegócio, como CPRS e CRAS”.

Autor: Tânia Rabello e Julliana Martins
Referência: Estado de São Paulo