Capitolio


Área agrícola protegida no país ainda é pequena

19 de janeiro 2022

Os 14 milhões de hectares cobertos por seguro representam 17% do total

A área agrícola segurada no país continua pequena e pouco expressiva se comparada com o tamanho do agro negócio brasileiro – os 14 milhões de hectares cobertos por seguro representam 17% do total.

Mesmo com aumento recorde em 2021 – quando quase 121 mil produtores foram atendidos, R$ 68,2 bilhões contaram com proteção e o programa federal de subvenção dos prêmios das apólices contou com R$ 1,1 bilhão -, o mercado cobra mais recursos e previsibilidade para que o avanço seja mantido.

Alicerce da comercialização das apólices pelas seguradoras, a subvenção federal precisa aumentar ainda mais, diz Joaquim Neto, da Federação Nacional dos Seguros Gerais (FenSeg). O alento em 2022 é que os R$ 990 milhões aprovados no orçamento não poderão ser contingenciados, o que atrapalhou e afastou clientes no ano passado. Mesmo assim, houve aumento de 109% nas operações de seguro pecuário, de 40% na cultura do café, de 22% para florestas e de 18% no milho (primeira e segunda safras) em 2021.

Veja mais

Autor: Rafael Walendorff
Referência: Valor Econômico