Capitolio


AXA integra operações de subsidiárias no Brasil

04 de abril 2022

A nova AXA do Brasil deve alcançar uma receita 10% superior neste ano em relação a 2021

A AXA do Brasil concluiu a integração entre as operações de grandes riscos e seguros gerais. As áreas funcionavam de modo independente por meio de duas empresas separadas, a AXA Seguros e a AXA XL. A partir de hoje, passam a fazer parte da mesma estrutura, liderada pela CEO Erika Medici.

A união das operações vai resultar em uma companhia com faturamento estimado para este ano de R$ 1,3 bilhão. A nova seguradora pode saltar cerca de dez posições no ranking da Superintendência de Seguros Privados (Susep) para o pelotão das 16 maiores do país.

Veja mais

Autor: Sérgio Tauhata
Referência: Valor Econômico