Capitolio


Com baixo investimento inicial, crescem opções na área de seguros

29 de abril 2022

Número de franqueadoras na área passou de 19 para 28 entre 2020 e 2021

Seguros tem sido um setor de destaque na Associação Brasileira de Franchising (ABF). Sem dados próprios, ainda, o setor está dentro da base estatística de serviços e outros negócios. Mas um número disponível chama atenção. Em 2020, a associação contava com 19 franqueadoras em seguros. Em 2021, o número saltou para 28 redes de seguros. “Seguros é um segmento que tem avançado rapidamente pelo crescimento do setor, pelo baixo investimento inicial e por permitir que os franqueados atuem com soluções financeiras e não apenas seguros”, comenta Sidnei Amendoeira Junior, diretor jurídico da ABF.

Dados da Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg) mostram que o setor avançou 11,5% em 2021, para R$ 306,4 bilhões. Vida e previdência, segmento que mais atrai os franqueados, foi responsável por R$ 192,3 bilhões. Para 2022, o cenário otimista prevê crescimento de 14,1%. Além do cenário positivo, a maioria das franqueadas opta pelo modelo home based. Nessa opção, se trabalha de casa, o que reduz os custos da operação.

Veja mais

Autor: Denise Bueno
Referência: Valor Econômico