Capitolio


Valor Inovação: A ordem é simplificar

27 de julho 2022

O Valor lançou na terça-feira, 26, a oitava edição de seu anuário ‘Valor Inovação Brasil’, com o ranking das 150 empresas mais inovadoras do país. No segmento Seguros e Planos de Saúde, as vencedoras foram Unimed-BH, MAG Seguros, SulAmérica, Bradesco Seguros e Icatu Seguros.

5G e a revolução nos modelos de negócio é o tema da pesquisa deste ano, que avaliou as práticas de inovação de companhias que atuam em 25 diferentes setores. Jacques Moszkowicz, sócio da Strategy& e responsável pela metodologia e consolidação dos resultados do estudo “Valor Inovação Brasil” há três anos, contou que a pesquisa mostra que quase 90% das empresas pesquisadas estão atentas aos impactos da chegada das redes móveis 5G ao país, cuja estreia ocorreu no início deste mês. “A maioria acredita que haverá um impacto revolucionário em seus produtos, serviços e propostas de valor, com a chegada das redes 5G, nos próximos dois anos.”

A revista Valor Inovação está disponível no portal do Valor Economico, para assinantes.

Veja o que as cinco classificadas do segmento Seguros e Planos de Saúde esperam do 5G em seus negócios:

Frederico Peret, diretor-presidente da Unimed-BH

Como acontecerá com os mais diferentes setores da economia, a saúde passará por uma revolução na medida em que a tecnologia 5G seja difundida. De maneira geral, estes impactos previstos dizem respeito ao aumento da facilidade para coleta e transação de diferentes dados durante a jornada do paciente com compartilhamento instantâneo com médicos e demais profissionais de saúde, inclusive com imagens e vídeos em alta qualidade a partir de dispositivos móveis; e à conexão simultânea de inúmeros dispositivos sem diminuir a velocidade da conexão, o que permite atendimento e monitoramento remoto mais rápidos, viabilizando por exemplo a realização de cirurgias à distância (telecirurgias) e a difusão e uso em massa de tecnologias avançadas como a realidade virtual (VR), a realidade aumentada (AR) e a internet das coisas (IOT). A maior velocidade na análise dos dados, por sua vez, permitirá diagnósticos cada vez mais precisos e rápidos, bem como permitirá evoluir para patamares ainda mais avançados da aplicação da inteligência artificial.

Helder Molina, CEO da MAG Seguros

A tecnologia 5G permitirá que as empresas avancem ainda mais em novos serviços, soluções e ferramentas tecnológicas mais eficientes para a ampliação de vendas e geração de novos negócios. Para a indústria de seguros, quanto melhor o conhecimento sobre o comportamento das pessoas, melhor será o processo de precificação do risco. Nesse aspecto, o 5G trará para o jogo, por exemplo, a internet das coisas. Certamente essa infinidade de sensores e dispositivos conectados nos ajudarão a entender melhor o comportamento e especificidade de cada indivíduo viabilizando assim novos produtos e modelos de negócio.

Igohr Schultz,  vice-presidente de  tecnologia, estratégia digital e inovação da SulAmérica

No curto prazo não vemos muitas mudanças em produtos para pessoas físicas com o 5G, mas sim para empresas. Os negócios de saúde serão muito impactados. A área médica, por exemplo, pode escalar para a cirurgia remota. A conectividade nos elementos do ecossistema de saúde e imersão de tratamentos serão transformadores, com muitas novas possibilidades. Como seguradores, estudamos produtos para usufruir com 5G, uma vez que a possibilidade será gigantesca para o atendimento aos clientes.

Fabio Dragoni – Diretor de Digital e Inovação da Bradesco Seguros

A internet das coisas (IOT) certamente vai mudar muito o setor.  Acompanhamos as tendências internacionais, com casas conectadas e como podemos fazer uma gestão de risco mais aprimorada. Sinal de fumaça ou vazamento de gás e podemos prevenir um incêndio. Monitorar a variação de redes elétricas para evitar o dano a eletrodomésticos. Em agronegócios, o 5G ajuda no monitoramento de máquinas agrícolas. Vai fazer toda a diferença. A concectividade está ai e é um caminho sem volta.

Alexandre Vilardi, vice-presidente corporativo da Icatu

Acreditamos que a tecnologia 5G trará um impacto disruptivo aos negócios, possibilitando novos modelos, métodos mais eficientes de produção e operações internas, mas que, certamente, exigirão novas competências. Na Icatu estamos estudando e amadurecendo o tema, juntamente com outras tecnologias emergentes, e acreditamos que acompanhar as tendências futuras de mercado e antecipar a criação de novos produtos e serviços nos trará um diferencial competitivo para as oportunidades do futuro.

Autor: Denise Bueno
Referência: Sonho Seguro