Capitolio


Confederação Nacional de Saúde parabeniza Lula e pede regras estáveis para setor

01 de novembro 2022 Paulo Araripe Jr.

Entidade pede atenção, principalmente, para manutenção de isenções fiscais sobre insumos e produtos médicos que contribuam para reduzir a inflação médica e o peso da saúde no bolso da população

A Confederação Nacional de Saúde (CNSaúde) parabenizou o presidente eleito do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), e pediu que sejam garantidas regras estáveis para o setor, com redução de burocracia e de incertezas legais.

“Assim como é fundamental que as empresas façam a sua parte, agindo para reduzir custos e aumentar a eficiência, o Estado brasileiro, em todas as suas esferas, deve cuidar de assegurar regras estáveis para o funcionamento do setor”, diz a instituição, em comunicado.

Além disso, a CNSaúde pede redução da burocracia e do excesso de normas e encargos, que segundo a instituição encarecem a operação das empresas, e pede a eliminação de incertezas legais e regulatórias que dão lugar à crescente judicialização da saúde, diz a nota. Para a confederação, é preciso “evitar a quebra do equilíbrio econômico-financeiro do sistema de planos de saúde, o que envolve o respeito aos contratos”.

Veja mais

Autor: Cristiana Euclydes
Referência: Valor Econômico